terça-feira, 15 de novembro de 2011

AMIZADE VERDADEIRA....?


                                             
Eu fiquei um pouco sumido, mais é porque não me acontecia nada de especial até ontem.
Eu fui até o apartamento do meu amigo Marquinhos (nome fictício) na Vila Mariana para sairmos para uma festa que rolava em Pinheiros, quando me deparei com um espetáculo de mulher que se chamava Amanda que nada mais era que sua noiva. Quando cheguei os dois estavam quebrando o maior pau por causa da festa que ela não queria que ele fosse. Ele começou a xingá-la e saiu batendo a porta e nem reparou que eu estava dentro do apartamento esperando a decisão dele. Amanda começou a chorar  dizendo que não tem jeito que melhor separar e eu disse que não era a melhor solução, que ela é linda e ele vai com certeza refletir em tudo o que ele disse. Quando sequei as lágrimas de Amanda ela disse que qualquer mulher se sentiria feliz ao meu lado por não ser bruto e sim educado com ela. Ela imediatamente se levantou do sofá, trancou a porta do apartamento me puxou pela mão até seu quarto e me deu um beijo tão inesperado, mais tão intenso que pensei que era a última vez que ela beijaria alguém.  Foi logo tirando suas roupas e me puxando para a cama. Quando ela tirou a calça e vi aquela calcinha completamente encharcada, não pensei duas vezes, caí de boca naquela buceta  deliciosa que a cada chupada ela gemia e gritava, puxava meu cabelo forçando minha cabeça para dentro, ela não se controlava de tanto tesão. Quando anunciou que iria gozar, chupei com mais voracidade e ela gritava e isso me deixava mais louco de tesão ainda. Depois que gozou ela me deitou na cama e começou a mamar no meu cacete.... Que mamada deliciosa parecia uma bezerrinha recém nascida manando, foi quando ela disse olhando nos meu olhos, me fode e acaba comigo aqui e agora !!
Não pensei duas vezes, coloquei a cachorra de quatro e coloquei cada centímetro do meu cacete dentro dela, ela rebolava no meu cacete e a cada rebolada dela eu socava com mais força, ela gemia e pedia para socar mais para tratá-la como uma verdadeira vagabunda, puxei seu cabelo e soquei na sua buceta e disse: Tá gostando de ser minha puta ? Agora eu sou seu verdadeiro macho!!! Quando disse isso ela gritou mais alto ainda que iria gozar no pau do macho dela, gozou feito louca e não perdeu tempo em pedir para foder seu cuzinho. Chupei o cuzinho dela e ela pedindo para socar no cuzinho com bastante força, para arrebentar ela que hoje ela quer ser minha putinha por inteiro. Coloquei bem devagar no cuzinho daquela putinha,  a cada enterrada um gemido alto que me deixava com mais tesão ainda. Segurei o cabelo dela puxando e batendo na sua bunda, tarando como uma verdadeira puta. Estava pronto para gozar quando ela pediu para gozar na sua boca. Tirei meu cacete do cuzinho da safada, quando ela virou e mamou no meu cacete e não agüentei mais e gozei na sua boca e a safada não deixou uma gotinha cair no chão, tomou todinho e ainda abriu a boca para mostrar que não tinha uma gota sobrando. Nos despedimos e fui  para minha casa, hoje quando liguei para o Marquinhos para saber se já tinha se acalmado da briga com Amanda e ele disse conversaram e eles estão bem e ainda me agradeceu por conversar com Amanda e convencê-la a não terminar o relacionamento . Vai entender né  ?

Um comentário:

  1. Tudo bem?
    estava faltando o seximaginarium aqui!
    Vou levar seu blog pra lá
    2012 de muito tesão e Prazer!
    Abração
    LEO

    ResponderExcluir